handstalk, o conteúdo é acessivel com Vlibras!

Nova Fotografia 2018 | RIOS, de Lorenzo Scavone

Em setembro, o MIS inaugura a quarta mostra do programa Nova Fotografia 2018: RIOS, de Lorenzo Scavone. A mostra, exposta no espaço Nicho do Museu, abre no dia 6 de setembro, às 19h, com entrada gratuita, e fica em cartaz até 21 de outubro.

O ensaio consiste em um registro documental durante o Carnaval na cidade do Rio de Janeiro com um olhar subjetivo e abstrato. Os opostos coexistem em vários cantos da cidade: a multidão e o isolamento. O barulho e o silêncio. Uma cidade que mesmo sendo rica em sua historia e cultura é jovem comparada ao oceano que a cerca. Durante poucos dias, uma realidade farsesca toma conta da paisagem urbana, subvertendo a vida cotidiana da famosa cidade maravilhosa. Pessoas transformam-se em personagens enquanto a cidade torna-se um palco. De acordo com o fotógrafo “a premissa dessas imagens é buscar uma harmonia visual em todo esse contraste, enquanto o fotografo se torna um observador”.

RIOS é disposta em dípticos. “A ideia de se apresentar o ensaio desta forma é de formar imagens que juntas trazem um impacto maior e após a primeira impressão, uma sensação de complemento ou de dissociação”, conta Lorenzo Scavone. “As escolhas dessas partes foram feitas levando em consideração os assuntos fotografados (como um navio no porto e outro em alto mar) e também elementos puramente visuais como cores, formas e linhas (a amarra cuja justaposição é criada pela imaginação do observador da obra, que é rompida pelo espaço em branco)”, complementa.

As imagens são resultados de uma abordagem cândida e discreta tratando pessoas e objetos com a mesma importância, ou seja, elementos com valores iguais na composição final. O resultado são cenas cujos habitantes se tornam personagens, mascarados ou não.

A exposição RIOS é composta por nove imagens, sendo oito delas apresentadas como dípticos, realizadas em 2016, no Rio de Janeiro.

Sobre Lorenzo Scavon
Lorenzo Scavone teve contato com a fotografia desde cedo. Filho de fotógrafo, cresceu em um estúdio fotográfico. Em 2017, se Formou em Direção cinematográfica na Academia Internacional de Cinema em São Paulo. Atualmente, se dedica a projetos audiovisuais e fotográficos.

Sobre o Nova Fotografia
Criado em 2011, o Nova Fotografia é um projeto anual do Museu da Imagem e do Som que busca criar um espaço permanente para exposição de fotografias de artistas promissores que se distinguem pela qualidade e inovação do seu trabalho. A cada ano, seis séries de imagens são escolhidas por meio de convocatória e expostas no Museu.

Galeria de Fotos