handstalk, o conteúdo é acessivel com Vlibras!
Cidadão SP
  • /governosp
  • /governosp
  • /governosp
  • /governosp
  • /governosp
  • /governosp
  • /governosp
  • /governosp

A edição de fevereiro do #CineCiência do MIS exibe o filme O jogo da imitação. A sessão acontece no dia 10 de fevereiro, às 16h, e a entrada é gratuita; para participar basta retirar ingresso uma hora antes do início na recepção do museu.

Após a exibição, o filme será debatido pelo curador do projeto José Luiz Goldfarb, que aborda com o público a temática da inteligência artificial através da cinebiografia de Alan Turing, que antecipou o mundo que vivemos com sua Máquina e sua paixão pela computação.

O jogo da imitação (The Imitation Game, Dir. Morten Tyldum, 2014, EUA, 115 min, 12 anos, Biografia/Drama): Em 1951, dois policiais investigam o matemático Alan Turing após o que aparenta ser uma invasão de sua casa. Suspeitando de seu comportamento e falta de registros de guerra, decidem interrogar Turing com medo que ele seja um espião. Turing então revela que na verdade foi parte de um projeto secreto da inteligência britânica em Bletchley Park. Além de mostrar Turing na infância em 1927, se apaixonando por um colega em um colégio interno antes deste morrer de pneumonia bovina, segue-se o matemático durante a Segunda Guerra Mundial, trabalhando com um grupo de criptografia para decodificar a máquina Enigma, usada pela Alemanha Nazista para tornar suas mensagens incompreensíveis em caso de interceptação pelo inimigo.

Debatedor: José Luiz Goldfarb possui graduação em Física pela Universidade de São Paulo (1978), mestrado em Filosofia e História da Ciência - McGill University, Canadá (1980) e doutorado em História da Ciência pela Universidade de São Paulo (1992). Atualmente é professor da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, Diretor e membro do Conselho da EDUC (Editora da PUC) e presidente da Cátedra de Cultura Judaica da PUC/SP.

Galeria de Fotos